Projeto polêmico no Recife será analisado

Empreendimento da iniciativa privada prevê a construção de 13 torres para residências e escritórios. Entidade dos arquitetos está preocupada com impacto urbanístico na região

O Conselho de Desenvolvimento Urbano (CDU) do Recife aprovou na última sexta-feira (30) o pedido do Departamento de Pernambuco do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB-PE) para que seja realizada vista ao empreendimento Novo Recife. O projeto do consórcio formado pelas construtoras Moura Dubeux, Ara Engenharia, Queiroz Galvão e GL Empreendimentos prevê a construção de 13 torres residenciais no Cais José Estelita, região portuária da cidade que está abandonada há décadas.

https://i2.wp.com/www.piniweb.com.br/construcao/urbanismo/imagens/i364837.jpg

Segundo informações da GL Empreendimentos, o Novo Recife abrigará imóveis residenciais, empresariais, comerciais, de serviços e lazer, além de ruas e áreas verdes, em uma área de 101 mil m². O projeto seria integrado ao centro histórico e cultural do Recife e à orla Recife-Olinda.

De acordo com a presidente IAB/PE, a arquiteta Vitória Régia de Andrade, o Novo Recife não resolve os problemas do bairro São José, que deveria, na verdade, receber um plano urbanístico da prefeitura para a criação de espaços de convivência. “Enquanto arquitetura, esses projetos são muito bons, mas enquanto estação urbanística, eles precisam de mais amadurecimento”, afirma a arquiteta.

A reunião do CDU contou com a participação de entidades como a regional de Pernambuco do Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU-PE) e o Ministério Público de Pernambuco (MPPE). Segundo a decisão tomada pelo Conselho, o projeto será analisado pelo IAB/PE, que entregará um parecer dentro de 20 dias. A próxima votação para o projeto está agendada para o dia 21 de dezembro.

Marcada por protestos e confronto entre manifestantes e a guarda civil, o encontro contou a presença de diversas entidades e movimentos de arquitetos, que não puderam participar da reunião.

O instituto havia convocado membros da diretoria para análise do projeto três dias antes da reunião no CDU. “A discussão é sobre como um empreendimento de impacto pode causar um impacto positivo, e não negativo”, explica a presidente do IAB-PE.

https://i0.wp.com/www.piniweb.com.br/construcao/urbanismo/imagens/i364839.jpg

Fonte: PINI

Anúncios

Um comentário sobre “Projeto polêmico no Recife será analisado

  1. Acho que um projeto como esse vai levar de alguma forma desenvolvimento para a região com certeza abrirá oportunidade de trabalho para muita gente por isso acredito que de alguma forma vai beneficiar a população…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s