Rodovias Fotovoltaicas

Imagine se todas as rodovias, estacionamentos, calçadas, ciclovias e parques infantis pudessem ser recobertos por placas fotovoltaicas que transformassem o calor do sol em energia elétrica. Com certeza, a quantidade de energia limpa gerada seria muito maior. É justamente essa a ideia que um casal estadunidense teve quando o tema aquecimento global começou a entrar em pauta.

Julie e Scott Brusaw pensaram em substituir o asfalto e superfícies de concreto no meio urbano por painéis fotovoltaicos. Foi aí que nasceu o projeto batizado como Solar Roadways.

A ideia é tão simples quanto engenhosa. Quando uma estrada é construída, no lugar do asfalto seriam usados painéis solares. Eles vão gerar energia, que por sua vez alimentará a rede elétrica. Desse modo o combustível é conservado duas vezes: os carros elétricos seriam alimentados com a energia produzida pelos painéis e os painéis substituiriam o uso do asfalto, cuja produção exige petróleo.

Além disso, as Solar Roadways (rodovias solares) como o casal chama a invenção, são aquecidas e equipadas com telas LED integradas, que atuam não só como marcadores rodoviários, mas podem exibir os alertas diretamente na estrada.

Segundo os idealizadores do projeto, se todas as rodovias dos Estados Unidos utilizassem o novo produto, o país geraria três vezes mais energia do que atualmente consome e evitaria 75% das emissões oriundas de fontes não renováveis de energia.

O casal deparou com inúmeras dificuldades na busca para a substituição do asfalto. “Ele tinha de ser texturizado a ponto de oferecer pelo menos a tração que as atuais estradas pavimentadas oferecem – mesmo na chuva”, explica Scott. “Na fase de desenvolvimento, foi um dos requisitos mais importantes da camada superior dos painéis”.

A composição de um painel é sempre a mesma e consiste de três partes: por cima uma camada translúcida e resistente composta por painéis solares, luzes de LED e aquecedores. Abaixo vem uma camada de controle, onde um microprocessador aciona as luzes e se comunica com os painéis da estrada. Finalmente na base há uma placa que garante que a corrente elétrica coletada seja distribuída para residências e postos que carregam carros elétricos. Além disso, há espaço para outros cabos, como de TV ou de linhas telefônicas.

O casal pensa mais à frente. Nas bordas dos módulos dos canais podem coletar e filtrar a água. Desta maneira a água não é desperdiçada. Uma rede viária inteligente.

Inicialmente, a implementação desses painéis e os custos de manutenção da infraestrutura serão altos, Além disso, resíduos como sal, poeira e até mesmo a borracha dos pneus podem acumular nas estradas, reduzindo a eficiência na captação da energia solar.

A maior dúvida é a segurança. Dirigir ou andar sobre a película de vidro é completamente diferente do que no asfalto, que é projetado especificamente para aumentar a tração e o atrito. O DOT (Departamento de Transporte dos EUA) diz  que a “Solar Roadway” ainda precisa passar por vários testes antes de ser aprovada.

“Nós não podemos dizer que será seguro para o tráfego veicular”, afirma Eric Weaver, engenheiro do DOT. “Além disso, a avaliação do tráfego terrestre é necessária para determinar a segurança e a durabilidade do produto”.

A superfície molhada da Solar Roadway foi testada em um laboratório universitário, o estudo mostrou que ela é capaz de parar um veículo a 80 milhas por hora dentro da distância permitida. Contudo, a aprovação de um estudo universitário é bem diferente da das autoridades federais.

Igualmente, vale destacar que o projeto da Solar Roadway não é o único que segue a linha de estradas que geram energia elétrica por meio da energia solar. Um exemplo claro disso é a ciclovia instalada em Amsterdam.

Até agora apenas 70 metros estão completos e apenas de um lado da ciclovia. Esse lado da via é banhado pela luz solar quase o dia todo, fazendo com que ele seja um ótimo local de teste para este caso.

Fontes: Extremetech.comGreentechmedia.comEcycle.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s