King’s Cross Station, em Londres, ganha novo saguão para passageiros

Cobertura semicircular da construção vence vão de 150 m

Vigas metálicas se entrelaçam na cobertura

Foi inaugurada ontem (19.03) em Londres, na Inglaterra, a expansão da estação de trem King’s Cross, uma das maiores da cidade. O projeto, de autoria de John McAslan + Partners, consiste em um pátio coberto por uma estrutura metálica semicircular com um vão de 150 m de largura e 20 m de altura em seu ponto mais alto. Segundo o escritório, esta é a maior estrutura do tipo utilizada em uma estação.

A cobertura parte de 16 colunas de aço em forma de árvore localizadas em volta do saguão, de onde saem as “ramificações” de vigas de aço que se encontram no centro do semicírculo, resultando numa espécie de funil. Esse espaço deverá se tornar uma das principais entradas da estação.

Grande parte do saguão será coberto por telhas metálicas, mas o centro do semicírculo será coberto com vidro, para favorecer a iluminação natural. A luminosidade do local também será provida pela fachada traseira do saguão, toda em vidro. Esse novo saguão de 7,5 mil m² se conecta à parte oeste da estação, que mantém as características arquitetônicas originais.

Continuar lendo

Anúncios