Até setembro, 11,3% das obras do PAC 2 foram concluídas, diz governo

Segundo balanço, R$ 143,6 bilhões foram executados até setembro.
Valor corresponde a 15% do total previsto entre 2011 e 2014.

 

O segundo balanço da segunda fase do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) feito pelo governo federal nesta terça-feira (22) aponta que 11,3% das obras previstas até 2014 foram concluídas entre janeiro e setembro deste ano.

Continuar lendo

Trabalhadores de obras da Copa do Mundo querem isonomia salarial

Sindicatos dos trabalhadores da construção civil vão apresentar pauta com reivindicação de piso salarial unificado nas cidades-sede e melhores condições de trabalho

São Paulo – Os sindicatos dos trabalhadores da construção civil contratados para as construções dos estádios e obras relacionadas à Copa do Mundo 2014 e aos Jogos Olímpicos vão apresentar até o início de dezembro carta com as reivindicações da categoria para as entidades sindicais patronais, Ministério do Trabalho e Secretaria-Geral da Presidência da República.

Continuar lendo

Conforto: projeto da cobertura do estádio do Castelão é apresentado

Cobertura foi desenvolvida por empresa portuguesa, que garante 100% de proteção contra sol e chuva ao torcedor

 
 
Secopa apresenta projeto da cobertura do Castelão (Foto: Diego Morais / Globoesporte.com)
 Secopa apresentou projeto da cobertura do
Castelão

A Secretaria Especial da Copa (Secopa) apresentou, na manhã desta quinta-feira, o projeto da estrutura metálica e da cobertura da Arena Castelão. Para executar a obra foi contratada a empresa portuguesa Martifer Metalic Constructions, responsável também, nesta Copa do Mundo, pela cobertura da Fonte Nova, em Salvador.

Continuar lendo

Testes começam em 2012 com auxílio de técnicos paulistas

 

Técnicos paulistas visitaram ontem a estação São Benedito do Metrofor (MAURI MELO)

Técnicos paulistas visitaram ontem a estação São Benedito do Metrofor (MAURI MELO)

Segundo semestre de 2012. Esse é o prazo dado pelo secretário de Infraestrutura do Ceará, Adail Fontenele, para o início das operações comerciais do Metrô de Fortaleza (Metrofor) com transporte de passageiros. Atualmente, o Metrofor tem mais de 90% das obras civis concluídas. A previsão é de que elas terminem até o fim deste ano. Depois, os trens começam os testes dinâmicos no primeiro semestre de 2012. E, até o fim do ano, os passageiros começam a ser transportados.

  Continuar lendo

Transfor interdita Avenida Visconde do Rio Branco para obras de restauração

 

obras

O Programa de Transporte Urbano de Fortaleza (Transfor) começa nesta quarta-feira (24) a restauração da Av. Visconde do Rio Branco.

Na primeira etapa, o trecho interditado vai da Av. 13 de Maio até a Rua Guilherme Moreira (sentido sertão-praia), com previsão de conclusão de 60 dias.

Serão realizados serviços de terraplenagem, drenagem, pavimentação, padronização das calçadas e sinalização em toda a extensão da via. No total, serão investidos mais de R$ 2 milhões na restauração.

Continuar lendo

Encontro de Negócios – Oportunidades para 2014

 


A Copa se aproxima e movimentará até 2014 cerca de R$ 180 bilhões de negócios.
O Encontro Sebrae de Negócios apresentará para as microempresas e pequena empresa o Projeto Sebrae 2014. Você é o nosso convidado.

Data: 12 de agosto de 2011
Horário: De 8h30 às 13h
Local: Centro de Negócio do SEBRAE/CE – Av. Monsenhor Tabosa, 777 – Praia de Iracema – Fortaleza/CE

Continuar lendo

Dilma Rousseff aprova Regime Diferenciado de Contratações

 copa-do-mundo-2014-olimpiadas-2016

A presidente Dilma Rousseff sancionou o Projeto de Lei de Conversão 17/11, que cria o Regime Diferenciado de Contratações Públicas (RDC) para as licitações e contratos para obras da Copa das Confederações em 2013, para a Copa do Mundo de 2014, para a Olimpíada de 2016 e para obras de aeroportos em um raio de até 350 km das cidades-sede dos jogos.

  Continuar lendo

Sinaenco alerta para problemas estruturais nas construções do Distrito Federal

Entidade detectou patologias por falta de manutenção em uma série de equipamentos de infraestrutura urbana O Sinaenco realizou um estudo sobre a situação da infraestrutura de algumas das principais construções do Distrito Federal. As obras foram analisadas por engenheiros de empresas associadas à entidade, especialistas nas áreas abordadas.

Os dados disponibilizados são, em sua maioria, de análises dos problemas aparentes das construções, decorrentes da falta de manutenção. É a segunda vez que o Sinaenco realiza uma análise do estado da infraestrutura local. Em novembro de 2009 foram apontados nove pontos com problemas. Neste novo estudo, além dos pontos antes relatados, foram acrescentados ao estudo cinco novos casos. “Embora alguns dos problemas detectados em 2009, data do primeiro estudo, tenham sido parcialmente solucionados, diversos bens públicos encontram-se deteriorados, pela absoluta falta de manutenção preventiva”, alerta o presidente da regional DF do Sindicato, o engenheiro Rodrigo Gazen.

Segundo a entidade, o objetivo do estudo é alertar o poder público para a adoção de uma política permanente de manutenção da infraestrutura urbana. O relatório deve ser encaminhado às autoridades do DF e do Governo Federal, com as recomendações do setor.

Confira(com fotos) alguns dos problemas detectados pelo Sinaenco e, na sequência, as principais recomendações que a entidade deve encaminhar ao poder público:

Continuar lendo

Nove meses após ser inaugurado, túnel segue inacabado

Fortaleza – Ceará

Duas alças complementares ainda não foram feitas pela Prefeitura, que cita a necessidade de cumprir um acordo com um colégio e alega problemas na negociação de terreno para um dos equipamentos com lanchonete.

O dono do vaso sanitário decidiu se livrar do objeto em desuso. Jogou-o num pedaço de pista também em desuso, onde outro aparelho já estava, só que incendiado e junto com inúmeros copos descartáveis, sacos plásticos, entulho e grama alta.

Continuar lendo

Construção civil aquecida deixa estádios mais caros, diz ministro

O aquecimento do setor de construção civil no Brasil é o motivo para o aumento dos custos dos estádios para a Copa de 2014, mais caros se comparados com os campos das últimas edições do mundial, segundo afirmou nesta quinta-feira o ministro do Esporte, Orlando Silva.

O ministro Orlando Silva disse que todos os estádios estarão prontos até o final de 2013

Continuar lendo